sábado, janeiro 13, 2007

O que me lixa no meio disto tudo...

...é que eles não são multados por não andarem com um saquinho a recolher a bosta que os seus animaizinhos de estimação deixam pelas ruas. Expliquem-me a utilidade de um bicho destes a borrar-se pelos passeios que justifique que a sua bosta fique em exibição para transeunte ver? A sério, quão difícil será evadir um polícia a cavalo nas ruas de Lisboa?

ML

4 comentários:

Delta_PT disse...

faz bem ao solo?... pelo menos é o que dizem... :\

incs disse...

não há doggy-bags em tamanho para cavalo?!

CP disse...

Penso que te passou ao lado a hipótese de que os dejectos (ou "bosta" como tão eloquentemente colocaste)do animal policial (refiro-me ao cavalo e não aos polícias) podem servir para apanhar ou pelo menos atrasar potenciais criminosos.
Situação: és um criminoso. Sais de casa mais ou menos à pressa, calçaste uns sapatos confortáveis, tendo em conta que vais assaltar o mini-mercado "colheita d'ontem", tens tudo preparardo, pões-te a caminho quando, de repente, PIMBA lá vai o sapato para o meio da "bosta". E o que fazes? Vais assim para o assalto? Claro que não! Toca a mudar de sapato e a perder ainda mais tempo. Quantos assaltos não devem ter sido já frustrados porque o assaltante ficou a tirar "bosta" do sapato com um pauzinho?
Também podemos aprofundar a questão da evasão ao polícia a cavalo: podes até conseguir fugir do cavalo mas, se fores pelo passeio, provavelmente não escaparás à "bosta".

Rafeiro Perfumado disse...

Eu classificaria a bosta do cavalo dentro da guerra quimica. Se os americanos sabem estamos lixados! Espera, nós não temos petróleo, não interessa...