sábado, setembro 15, 2007

Ensaio

O orvalho descia sobre a terra. Amamentando.
Nos teus olhos a doce esperança de um amanhã sorridente :), com nuvens. Ai.
A nossa história é um mausoléu de esperanças vazias em conteúdo. Mas não em substância. Tudo o que tinhas dito antes reverbera no meu sEr. A força deste silêncio bruTo é suficiente para mover os teus cabelos. Saudades do aveludado paladar com que me deixaste. só :(
tudo. nada. vazio. solidão. Portugal e o Japão.
Cortinas de luz transparente. Teu corpo nu. Prado sem fim.
Deste cenário de abrasadores contornos chegámos a um vão de fresca frescura. A metálica musicalidade da chave na porta, melancólicas recordações de um reco-reco inspiraram estas palavras. Inesperada musa. Adentrámos esta casa de ruínas dele, caos semântico e de efeito cáustico na percepção do olhar redutor sartreriano. A quebra empática de Herodes, triste indiferença ao apelo crucitante do rei e o do peão, infrangível postura a do Senhor, ingre à união ilegível.
Foram buscar água à torneira. Regressaram à sala com os copos azuis na mão. Não eram bem azuis, mas safira. Como seria bom que cá estivesses. Meu amor. Aturar os comentários sobre a sujidade. Não a tua, a minha.

Fragmentos

lábios gretados de um rei redentor esvaído na tragédia


da divisão ôntica

nossas, desses recantos de memórias sentidas, os teus lábios proféticos. A prenunciar a doença. Cólicas induzidas pela minha incontinente semântica. Anais da nossa história insuficientes são para o registo deste nosso bélico encontro. Quero acostar-me junto a ti. A gôndola no cais ser teu porto seguro.


Isto é tão literário. Mas eu gosto.


leves doces nobres entremitentes entumecidas encaminhadoras interferentes circundantes alongadas
centro nevrálgico do teu amor.



Manancial de odores que se misturavam na cama fria. De lembranças de um futuro sem passado.puta.

NÒS

6 comentários:

Arya Bodhisattva disse...

isto é da autoria d'um hacker ou de um carapau após um cigarrito suspeito?
=P

Carapaus com Chantilly disse...

Esta, minha amiga, é a nova face dos carapaus!!

Jo disse...

Beautiful, as someone in love :)

CP disse...

jo: ou simplesmente alguém com sede... quem sabe?

Betty Coltrane disse...

Hum... estou ali com a Arya!!! ;P


Agora sem brincadeiras, está fenomenal!

sonhadora disse...

".... Cólicas induzidas pela minha incontinente semântica. Anais da nossa história insuficientes são para o registo deste nosso bélico encontro. Quero acostar-me junto a ti. A gôndola no cais ser teu porto seguro."

Gostei bastante... não sei onde foram buscar isto... mas está muito giro mesmo :)!

Kisses