quinta-feira, julho 05, 2007

Diário de Alfredo (II)

Querido diário, já não escrevo há muito porque mais uma vez me envergonhei. Sempre ouvi dizer que se pedirmos um desejo ao avistar Vénus, esse desejo se torna realidade. Anteontem à noite olhei para o céu e avistando aquele brilhante planeta, fechei os olhos e pedi aquilo que sempre quis, encontrar o verdadeiro amor.
Quando abri os olhos reparei que o planeta já não estava lá... Ohei para todo o lado em desespero e finalmente avistei aquele brilho característico mas mais à esquerda do sítio onde deveria estar. Tinha pedido o meu desejo a um avião que estava a passar.
Contemplo a hipótese de me suicidar através do encravamento de unha. Parece-me, além de apropriado, eficaz.
CP

6 comentários:

Betty Coltrane disse...

Da próxima vez tenta uma estrela cadente - para levar o teu desejo na sua destruição... ;)

Hum, maneira interessante de morrer, muito original!

Eu cá por mim já desisti de pedir desejos - to much work!!! ;P

baci!

Maríita disse...

É lá, assim sendo o Alfredo pediu o desejo a uma estrela com asas em vez de um planeta. Muito à frente!

Quanto a essa forma de suicidio é capaz de demorar uma eternidade.

Beijinhos

simplex disse...

deixa la, pensa que a concretização dos desejos só nos reduz as expectativas!...

Arya Bodhisattva disse...

hummm, o suicídio através do encravamento da unha parece-me doloroso e moroso...
...e que tal bater todos os dias com o mindinho do pé na ombreira da porta, até que gangrene e cause uma infecção generalizada no corpo?

*oh céus, não devia escrever isto logo após o peq-almoço*

Anónimo disse...

È PÁ
Alfredo deixa-te disso, porque já esperimentei e não deu em nada continuo vivinha da silva, só que ndei meses sem fim com dores,

QUANTO MAIS PEDES MENOS ÉS ATENDIDO, leva tudo na boa, amanhã é outro dia, ela está há tua espera não desesperes

Anónimo disse...

è Pá,
Alfredo deixa-te disso, não desesperes, eu já tentei isso da unha, mas não leva a nada só a dores.
Não te preocupes que ela está há tua espera, ela vem, está algures por aí.

continua a esperar, que ela vem.
Há gosto mais de checharo com massa.
muitos carapaus,e bom fim de semana