sábado, julho 07, 2007

Ode ao Verão

Ai Verão,
Ai mosquitos irritantes de Verão
que me picam noite sim e noite não.
Picadas que fazem com que os meus braços,
braços brancos como os dos cámonos que p'rá 'qui andam no Verão,
se tornem iguais aos braços de um toxicodependente
com problemas de visão.
Ai Verão... Verão...
CP

5 comentários:

Carapaus com Chantilly disse...

man!isso tá mau! tu n'andas mazé a usar o perfume dos mosquitos!?
man!aquela cena é meter na ficha!man!tu toma cuidado!

LOL

tag: o rosto da classe no blog

curse of millhaven disse...

LOL o que vale é q o verão é pouco tempo e passa num instante... pessoalmente n gosto nd d calor abrasador e dps de tudo o que com ele vem por acréscimo, como os cabrões dos mosquitos!

Betty Coltrane disse...

LOL!

É jogar mão do repelente! O ano passado descobri (não perguntes como. só lembrar é doloroso) que embora não os mantenha assim tão afastados, impedia q eu me transformasse numa baba gigante (q é o mesmo q dizer q as picadas não incham!lol!)

Fica bem! =)

Rildeias disse...

É mesmo esse o espírito

Mãos de Veludo disse...

lolol... aconselho a andares com um saco de plastico com agua e vinagre atrás... é uma receita do meu tio... não sei se resulta, mas ele afirma que sim...