domingo, janeiro 15, 2006

EUREKA!

Descobri que o equivalente cinematográfico da música de João Pedro Pais são os filmes do Jean Claude Van Damme. Tal como sucede ao ouvir João Pedro Pais, quando uma pessoa se depara com um filme do Van Damme, mesmo sabendo que a qualidade é mais que duvidosa e que o Van Damme vai dar porrada nos maus e ganhar tudo o que houver para ganhar assim como João Pedro Pais dá porrada na gramática com os seus famosos atropelos e rimas bacocas, não conseguimos desviar o olhar e por vezes nem sequer mudar de canal conseguimos! Ainda bem que os intervalos são tão extensos, senão nem sequer conseguia ir à casa de banho! Ah! A maravilha dos intervalos de hora e meia em filmes de duas horas! Como é bom começar a ver um filme às 23 e só me ir deitar pelas 5 da madrugada quando já nem o passarinho canta de tanto sono que tem!
CP

2 comentários:

Cocacólica anónima disse...

CP no seu melhor!!!Um "beloguista" de valor, sim sr! Só é pena que a carga perigosa do CP (Valour) vá ser retirada manualmente ... espero que não tenhas cócegas!LoL
Tá bem a piada é seca... mas porra, acabou-se a coca cola! LOL

Anónimo disse...

Best regards from NY!
» » »