quarta-feira, dezembro 07, 2005

These (pale) reflection(s)

Onde quer que me vire
Vejo-me a mim
A Norte
Nas margens salgadas
Da indiferente tirania
Vejo-me a mim
A Sul
No caloroso areal
Da Doce República
Vejo-me a mim
Mas nunca senti curiosidade em atravessar o Mar Oceano
Ou rumar até à exótica Khitai
Ou misteriosa Ophir
Onde não existem
Estes incompletos
Reflexos
De mim
Isso é mau?

2 comentários:

incs disse...

nem sempre

Ginja disse...

Epá, sim, acho que é um bocado mau. Devias ir e esquecer um bocado o teu umbigo ...